Alguns preferem sossego, outros já estão com as energias a postos para brincar e divertir no carnaval.

Li um livro a algum tempo sobre as festas pagãs. Fiquei curiosa sobre a origem do carnaval. Como essa festa tão popular tinha nascido?

Pagão: Diz-se de toda religião ou pessoa que não seja cristã nem judaica. Ex: Maometano, em relação aos cristãos, e herético, em relação aos católicos.

A Luta entre o Carnaval e a Quaresma – Pieter Bruegel 1564 – Museu de Viena

O Carnaval era uma prática religiosa ligada à fertilidade do solo. Era uma espécie de culto agrário em que os foliões comemoravam a boa colheita, o retorno da primavera e a benevolência dos deuses. No Egito, os rituais eram oferecidos ao deus Osíris, por ocasião do recuo das águas do rio Nilo. Na Grécia, Dionísio, deus do vinho e da loucura, era o centro de toda as homenagens, ao lado de Momo, deus da zombaria. Em Roma, várias entidades mitológicas eram adoradas a começar por Júpiter, deus da urgia, até Saturno e Baco.

Baco ou Rei Momo (Deus da Fartura)
Baco  (Deus da Fartura)

Na Roma antiga, o mais belo soldado era designado para representar o deus Momo no carnaval, ocasião em que era coroado rei. Durante os três dias da festividade, o soldado era tratado como a mais alta autoridade local, sendo o anfitrião de toda a orgia. Encerrada as comemorações, o “Rei Momo” era sacrificado no altar de Saturno. Posteriormente, passou-se a escolher o homem mais obeso da cidade, para servir de símbolo da fartura, do excesso e da extravagância.

carnaval_roma

Com o passar do tempo, o carnaval passou a ser uma comemoração adotada pela Igreja Católica, o que ocorreu de fato em 590 d.C. Até então, o carnaval era uma festa condenada pela Igreja por suas realizações em canto e dança, que aos olhos cristãos eram atos pecaminosos. A partir da adoção do carnaval por parte da Igreja, a festa passou a ser comemorada através de cultos oficiais, o que bania os “atos pecaminosos”. Tal modificação foi fortemente espantosa aos olhos do povo, já que fugia das reais origens da festa, como o festejo pela alegria e pelas conquistas.

Pintura representativa das Saturnálias, festas populares da Roma Antiga
Pintura representativa das Saturnálias, festas populares da Roma Antiga

Em 1545, durante o Concílio de Trento, o carnaval voltou a ser uma festa popular. Em aproximadamente 1723, o carnaval chegou ao Brasil sob influência europeia. Ocorria através de desfiles de pessoas fantasiadas e mascaradas. Somente no século XIX que os blocos carnavalescos surgiram com carros decorados e pessoas fantasiadas de forma semelhante à de hoje.

Dionísio
Dionísio

A festa foi grandemente adotada pela população brasileira, o que tornou o carnaval uma das maiores comemorações do país. As famosas marchinhas carnavalescas foram acrescentadas, assim a festa cresceu em quantidade de participantes e em qualidade.

No Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador, Cidades Históricas de Minas Gerais, e por todo esse Brasil enorme… Um ótimo Carnaval. E, sim, vamos louvar aos Deuses! Que esse ano seja de alegria e fartura para todos nós!!!

Carnival_in_Rio_de_Janeiro

Carnaval no Rio de Janeiro Brasil
Carnaval no Rio de Janeiro Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *